Home / Marketing /

Linkedin: 7 dicas para usar esta rede social profissional

Linkedin: 7 dicas para usar esta rede social profissional

Antigamente, referíamo-nos à nossa marca como se fosse a nossa “reputação” e a maior parte da nossa reputação era, então, construída cara a cara. Mas hoje em dia, as primeiras impressões formam-se mais facilmente no contexto online e o LinkedIn geralmente é o primeiro lugar onde as pessoas o “conhecem”.

Tenho a certeza que sabe que um perfil forte no LinkedIn é fundamental para a sua carreira. O LinkedIn, o serviço de redes sociais orientado para negócios, é onde 94% dos recrutadores procuram candidatos para novos cargos profissionais. Por outro lado, também serve como o lar online da sua marca. No entanto, com mais de 470 milhões de utilizadores no LinkedIn, como desenvolver um perfil que se destaque?

Para responder a esta pergunta, decidi fazer um artigo onde compilo algumas das melhores dicas sugeridas por gurus do Marketing Digital e que estudaram também estratégias de Marketing Pessoal.

7 dicas para ter um bom perfil no Linkedin

1 – Tire uma boa fotografia profissional

De acordo com um estudo de mercado sobre o LinkedIn de 2016, o seu perfil é 21 vezes mais propenso a ser visto se tiver uma fotografia do LinkedIn. No entanto, assegure a qualidade da fotografia e que reflecte aquilo que quer transmitir: profissionalismo. Se conseguir pagar a um fotógrafo profissional para lhe tirar a foto, geralmente é o melhor investimento que pode fazer a favor da sua marca pessoal e autoconfiança.

2 – Defina um título mais estratégico para o seu cargo

O seu título do LinkedIn é importante por dois motivos: cria a primeira impressão e as palavras-chave que selecionar ajudarão os recrutadores a encontrá-lo. Seja específico sobre a pessoa que é e aquilo que faz. Por exemplo, em vez de usar um título genérico como “Representante de Marketing”, use Marketing Executive / Growth Strategy / Channel Development.

Procure ainda incorporar palavras-chave relevantes, seguindo as boas regras de SEO. Para encontrar as palavras chave mais impactantes, veja as descrições de cargos que adoraria ocupar e verifique os grupos do LinkedIn para encontrar a terminologia apropriada da indústria. Evite usar o termo “desempregado” no seu título. Em vez disso, use palavras-chave estratégicas que transmitam a sua declaração de valor.

3 – Peça recomendações no LinkedIn

Obtenha recomendações da sua rede do LinkedIn, deixando que os outros valorizem o seu trabalho em vez de ser você a fazê-lo (que pode transparecer uma ideia de arrogância).

Para bons resultados, peça uma recomendação imediatamente após a conclusão bem-sucedida de um projeto ou quando receber um elogio ou prémio importante. Faça o seu pedido pessoalmente ou por telefone, se possível. É mais pessoal do que enviar um email e dá-lhe a oportunidade de falar sobre as especificações para a recomendação.

   

4 – Faça uma gestão das suas habilidades

De acordo com um estudo ao LinkedIn em 2016, os utilizadores que exibem cinco ou mais habilidades são contactados por potenciais empregadores 31 vezes mais e  os seus perfis vistos 17 vezes mais do que aqueles que não o fazem!

Felizmente, o LinkedIn facilita a edição, reorganização e gerenciamento de habilidades. Para as gerir, mova o cursor sobre o ícone Me na parte superior da sua página inicial, clique em Visualizar perfil,faça scroll para a seção Habilidades e clique em qualquer uma das suas habilidades para as reorganizar a seu bel-prazer.

5 – Incorpore fotos e vídeos no seu perfil

Quando se trata de construir um perfil forte no LinkedIn, lembre-se do velho ditado: uma imagem vale mais do que mil palavras. Agora pode publicar facilmente fotos e vídeos no seu perfil do LinkedIn nas seções Experiência, Educação ou Sumário. Também pode usar imagens no banner de fundo do seu perfil pessoal, onde pode incluir um logotipo, foto ou imagem que melhore a sua marca de forma colorida.

6 – Mostre a sua experiência com o SlideShare

O LinkedIn recentemente comprou a plataforma de apresentação do SlideShare e passou a integra-lo na sua conta. Desta forma, você e o seu trabalho podem ser facilmente descobertos através de uma pesquisa específica do SlideShare ou através do Google. É outra maneira dinâmica e interessante de mostrar a sua liderança de pensamento e atrair tráfego para o seu perfil.

7 – Blog com o LinkedIn Publisher

Finalmente, considere publicar blogs no LinkedIn para construir a sua marca pessoal como líder de pensamento. As publicações que escrever serão exibidas no seu perfil do LinkedIn e, tal como as suas ligações e comentários sobre elas, serão vistas pelas suas redes mais amplas de segundo e terceiro nível, bem como através dos motores de pesquisa do Google.

+ de 30.000 Subscritores

Junte-se à nossa comunidade e receba em primeira mão o nosso conteúdo.


O seu nome*

O seu e-mail

 

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *