Home / Marketing /

7 passos para iniciar a prática do seu mobile marketing

7 passos para iniciar a prática do seu mobile marketing

 

Chegamos a um ponto crítico no uso dos dispositivos mobile. Hoje, gastamos uma média de 60% do nosso tempo consumindo midia digital via mobile, em comparação com os 40% nos desktop, esta informação tem referência pela comScore. Para cada oito minutos de consumo de mídia digital, sete deles ocorrem em dispositivos mobile! WOW! Sim, isso mesmo!

Esta tendência como é fácil de adivinhar, vai continuar, e é por este motivo que as marcas necessitam de uma estratégia de marketing móvel hoje, não amanhã. Neste artigo vou partilhar consigo sete passos para iniciar a sua prática de mobile marketing.

 

1. Enfrente as actualizações do Google para o design responsivo em mobile

O Google tem vindo a fazer alterações no modo de classificar os sites. Através do uso de verificação da compatibilidade com dispositivos mobile, este vai afectar os resultados da pesquisa. Para garantir que o seu site está pronto para ser visto via mobile, faça o teste de compatibilidade para dispositivos mobile.

Uma das formas mais eficazes de otimizar o seu site para essa atualização é torná-lo responsivo. Na verdade, essa é a recomendação número um do Google.

A alteração do algoritmo do Google oferece bastantes motivos para desenvolver um site responsivo, mas também consegue isso através dos seguinte dados: no lado B2B, 77% dos executivos usam smartphones para consultar produtos e serviços para as suas empresas; e no lado B2C, 60% dos consumidores usam exclusivamente o mobile para tomar decisões de compra. Em outras palavras, precisa aproveitar a otimização do seu site para o visualizador de dispositivos mobile.

Para o ajudar a começar a transformar o seu site responsivo, também pode inserir o URL no Responsinator e ver como ele fica em vários dispositivos. Isto lhe dará algumas ideias iniciais. Em seguida confira o guia fornecido pelo Google para criar site responsivos, que recomenda começar com um design focado para uma visualização estreita (por exemplo, o dispositivo pelo qual o usuário visualizará o site) e dimensionar a partir daí.

Você também desejará:

  • Use um estilo simples, inclua uma paleta de cores clean e use imagens que captem atenção do usuário.
  • Altere o preenchimento e o tamanho do texto, de forma que numa tela maior, áreas distintas se destaquem mais.
  • Altere as imagens para exibição numa tela maior.
  • Defina o primeiro ponto de interrupção, que é a largura do pixel na qual o design inicial da viewport estreita e se começa a desintegrar, devendo ser reconfigurado para telas maiores.

2. Otimize a sua Newsletter e outros tipos de e-mail

A capacidade de ler e-mails via mobile significa que as pessoas agora implementam essa atividade na sua rotina diária. Na verdade, quase 50% dos consumidores lêem os seus e-mails em dispositivos mobile e 69% dos consumidores excluem e-mails de marketing que não sejam legíveis nos seus dispositivos.

Isto significa que está a perder o seu tempo e esforço no e-mail marketing, caso não seja responsivo para o mobile. Comece com a primeira atitude que os seus destinatários têm: a linha de assunto no e-mail. Um smartphone típico exibe apenas as primeiras cinco a seis palavras (20 a 30 caracteres) da linha de assunto, portanto, verifique se a parte mais importante da sua mensagem é a primeira.

Também deve considerar o seguinte no corpo do e-mail:

  • Coloque o texto grande o suficiente para ser legível.
  • Utilize conteúdo curto e direto em uma coluna única.
  • Os call-to-action precisam ser perceptíveis e os botões devem ter pelo menos 44 x 44 pixels, para que seja fácil de clicar.
  • Use texto alternativo (ALT) em tags de imagem para que o leitor saiba quais são as imagens, mesmo que a conta de e-mail bloqueie as imagens.

3. Faça com que as suas páginas de mídia social fiquem excelentes nos dispositivos mobile

De acordo com Kevan Lee, da Buffer, 71% dos usuários que usam mídias sociais optimizam as suas contas para dispositivos mobile, o que significa que também precisa de o fazer. Aqui estão algumas orientações excelentes que deve seguir para o seu Facebook, Linkedin e Twitter:

  • Se usar um texto ou mensagem na imagem de cabeçalho do seu Twitter é provavel que fique ilegivel se visualizado via mobile, para que isso não aconteça, verifique se todas as alterações são legiveis nos diferentes dispositivos que estiver ao seu alcance.
  • As imagens de cabeçalho do Facebook e do Twitter devem ser impactantes, pois são mais proeminentes em dispositivos mobile do que em um desktop.
  • Importante: Não insira um endereço na sua página do Facebook de empresa, a menos que não utilize site, porque dessa forma, a sua página de facebook tem a probabilidade de aparecer antes em um dispositivo mobile, não será muito vantajoso dado que só vemos um resultado de pesquisa de cada vez. Mas se possui um restaurante ou uma loja com certeza, talvez queira ter o endereço, mas se é um profissional por exemplo de software, provavelmente não.
  • O Twitter e o Facebook enfatizam mais as imagens e vídeos em posts do que o texto simples, portanto, tenha foco no conteúdo com algum visual pop.
  • Se a sua empresa tem foco em B2B, considere criar perfil e página no Linkedin. Fique sabendo que o LinkedIn é responsável por mais de 80% dos leads de mídia social B2B. Deve ter em mente que ao postar um link o tamanho da imagem será redimensionado para um tamanho miniatura de 180 x 110 pixels. Portanto, convém garantir que a imagem seja fácil de visualizar nesse tamanho.

 

   

4. Crie posts e anúncios com as dimensões corretas e prontos para mobile

Os usuários quando estão em casa acedem quase sempre às mídias sociais através de dispositivos móveis. Por exemplo, 86% do tempo que os usuários do Twitter acedem ao Twitter é através do seu dispositivo móvel. Deste modo, os posts e anúncios de mídia social precisam de ser otimizados para visualização nessa tela pequena. A partir da quantidade de palavras usadas para os tamanhos das imagens, aqui partilho algumas dicas rápidas para usar nas suas publicações.

 

5. Otimize a sua publicidade também para o mobile

As oportunidades de comprar espaços de anúncios para dispositivos móveis são imensas.

Os anúncios nativos para visualização mobile se misturam perfeitamente em um app ou site. Esses anúncios não apenas apresentam uma oferta a um público-alvo mais segmentado, como também têm um melhor desempenho, com uma taxa de cliques de 1,37% (CTR), em comparação ao CTR de 0,35% para o anúncio comum em banner visualizado em dispositivo mobile. Além disso, os consumidores são 25% mais propensos a olhar para anúncios nativos, em comparação com os banners. O número de consumidores que dizem compartilhar um anúncio nativo com amigos e familiares é 168% maior do que aqueles que dizem que o fariam com os banners.

Há também o redirecionamento, que rastreia os usuários quando eles visitam sites e instalam app’s para depois apresentar anúncios, com objetivo de os retornar ao site. Essa prática já existe há algum tempo em desktops, em mobile está em sentido crescente e amadurecendo. As conversões de vendas são 13 vezes mais altas com o redirecionamento via mobile do que via desktops.

 

6. Considere usar SMS mobile marketing combinado com os outros canais

O SMS é um dos canais mais imediatos que dispomos. Com uma taxa de leitura de 97% em 15 minutos,  pode ter certeza de que as suas mensagens serão lidas quase instantaneamente. 45% das campanhas de SMS geram um ROI bem-sucedido, atingindo mais de 50% quando combinadas com outros canais populares, como e-mail e mídia social.

Pense no SMS marketing mobile como uma forma de melhorar o engajamento da sua marca com seus clientes em todo o ciclo de vida do cliente. As empresas devem se lembrar de variar o tipo de conteúdo que enviam, enquanto os clientes podem avaliar atualizações e notícias sobre desenvolvimentos futuros dentro da marca, essas informações são melhor entregues via e-mail, onde mensagens mais longas e criativas são mais apropriadas.

 

7. Avalie o seu sucesso no mobile marketing

Depois de ter feito todos passos para engajar os seus clientes, deve ficar de olho no ROI (retorno do investimento) e ajustar as suas estratégias conforme necessário. Há muitas maneiras de o fazer, começando por utilizar o Google Analytics, que é uma ferramenta gratuita e usa todos os tipos de dados para que possa analisar a sua estratégia para dispositivos mobile. Pode acompanhar o tipo de dispositivo que acede ao seu conteúdo. Há também o Mobile App Analytics do Google, se tiver um.

 

Implemente todas as sete etapas, e vai estar no caminho de uma estratégia eficaz de mobile marketing que ajudará a expandir os seus negócios. Apenas certifique-se de estar sempre atualizado sobre as tendências mais recentes, desse modo estará preparado para envolver os seus clientes por meio da próxima grande novidade que surja no caminho.

Gostou deste artigo? Compartilhe a sua opinião!


Escolha qual o assunto de interesse que pretende receber no seu email.




 

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *