5 boas razões para investir em eventos empresariais

O mercado dos eventos, como muitos organizadores destes acontecimentos poderá ter a noção, divide-se essencialmente entre dois grandes públicos: os eventos sociais e os eventos empresariais. Ainda que esta seja uma regra básica a dominar o mercado, a verdade é que muitos profissionais desrespeitam esta condição mais vezes do que deviam.

Mas porque é tão importante ter em consideração o público? Não precisamos de elaborar uma grande resposta: só ao saber para quem nos estamos a dirigir conseguiremos trabalhar o posicionamento, serviços e campanhas de marketing associadas à festa.

Ainda que os dois públicos sejam interessantes de trabalhar, muitos profissionais têm percebido nos últimos anos que um deles permite melhor retorno e conta com uma série de outras vantagens que facilmente podem ser dominadas: os eventos empresariais. Ao longo dos próximos parágrafos vou explicar-lhe que vantagens são essas e como estão presentes no mercado.

1 – Razão vs. emoção

Começamos então por um dos fatores mais evidentes associado aos eventos empresariais. Este tipo de eventos é guiado pela razão e pelo espírito prático. Quando uma empresa organiza um evento, tenha ele que fim tiver, as prioridades serão sempre a qualidade e a relação custo-benefício. Já num evento social, como por exemplo um casamento, a principal preocupação dos organizadores e convidados é sobretudo emocional.  Este toque mais frio e racional facilita o processo de tomada de decisões por parte da organização de eventos.

2 – Profissionalismo

Qualquer empresa que procure serviços profissionais para a organização de um evento pela altura do Natal, por exemplo, tem ideia do que isso vai exigir: um cronograma, a quantidade de convidados e um objetivo muito específico que esse evento precisa de atingir. É um processo muito mais direto e claro. Por norma, o facto da própria empresa ter já alguma experiência com eventos anteriores torna ainda mais fácil a comunicação.

Por outro lado, a organização de um evento social, como um casamento, já envolve outros fatores: a pessoa não sabe ainda o que quer, quanto custam os serviços e quanto tempo demora o evento a ser organizado.

3 – Disponibilidade de datas

As empresas possuem mais disponibilidade para realizar eventos durante os dias da semana: isto por si só oferece de imediato uma vantagem competitiva, já que os serviços de organização de eventos têm mais espaço temporal para trabalhar. A nível de logística esta é também a situação ideal já que buffets, serviços de som, aluguer de móveis e equipamentos estão disponíveis.

Os fins-de-semana são o grande problema! É entre sexta e domingo que se realizam a maior parte dos eventos sociais e quando estão ocupadas a maioria das infra-estruturas necessárias para a execução desses mesmos eventos. Isto obedece a uma lógica muito simples: se a semana tem cinco dias úteis, e apenas dois como fim de semana, com qual dos dois pode lucrar mais? A pergunta responde-se por si mesma.

4 – Visibilidade

Grande parte das empresas de organização de eventos espera receber alguma visibilidade através dos trabalhos que faz. No entanto, a visibilidade que a organização de um evento social traz é muito reduzida quando posta lado a lado com os resultados de um evento empresarial. Um evento social, por exemplo, pode resultar numa recomendação do serviço que organizou o evento por parte do anfitrião. Mas a quantas pessoas irá fazer esta recomendação? Cinco? Dez?

Já ao trabalhar para uma empresa, poderá incluí-la no seu portfólio de trabalhos garantindo que, fora o poder de recomendação que já está implícito, poderá melhorar a sua reputação e provar a sua experiência ao mostrar que trabalhou para certas empresas.

5 – Orçamento

Encerramos este artigo para falar do orçamento. Se puser lado a lado o orçamento de um evento empresarial e de um evento social vai notar imediatamente na diferença abismal entre os dois. Mas não se deixe enganar! Mesmo que o preço seja muito diferente, os dois tentarão sempre regatear o valor. A questão é que a maior parte dos eventos empresariais costuma ser de maior porte, dispondo de uma verba mais reservada para eventos. Além disso, também entendem melhor o que está envolvido na organização, o que evita que se tenha de sujeitar a exigências absurdas por uma oferta de pagamento muito baixa.

campanhas de marketing, emprego organização de eventos, empresas de organização de eventos, eventos corporativos, eventos corporativos criativos, eventos empresariais, mercado de eventos, organização de eventos, organização de eventos lisboa, tipos de eventos empresariais


André Ferreira

André Ferreira

Nascido e criado no universo da publicidade, é impensável eu estar noutro lugar. Sou o fundador do Blog Publicidade & Marketing e também Digital Marketeer de profissão, mas sobretudo acredito que qualquer pessoa consegue alcançar o seu sucesso, através de muita dedicação e só com o apoio das ferramentas correctas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.