competitivo

É competitivo? Descubra 4 motivos para o ser!

Muito se diz a respeito do termo “competitividade”. Embora algumas empresas acreditem que esta não é uma prática saudável, a verdade é que o facto de não se estimularem criativamente para superar a concorrência no mercado pode resultar em algo muito mau: a estagnação. Por outro lado, grandes empresas – entre as quais as multinacionais de tecnologia Apple e Samsung – vivem elas mesmas de competitividade, o que resulta na apresentação constante de produtos novos.

Entretanto, quando o trabalho aperta e as necessidades de manterem padrões de qualidade aumentam, muitos empresários colocam a mão na cabeça e dizem: “Ah, se não tivéssemos de competir contra os nossos concorrentes estávamos mais descansados!”. Sim, sim, isto é verdade, mas ao mesmo tempo não é de “descanso” que acontece evolução.

Olhando de forma objetiva para este conceito e a competição empresarial, escrevo-lhe hoje este artigo que justificam por que deve competir contra os outros… e contra você mesmo!

É competitivo? Descubra 4 motivos para o ser!

1 – Estimular a inovação

A inovação é uma condição fundamental para conseguir o aumento de um negócio. Vamos supor que o seu projeto, numa determinada indústria, detém o monopólio. Não há nenhum concorrente a fazer-lhe frente. Neste caso, a empresa não precisa de satisfazer os consumidores melhor do que o seu concorrente: o público tem de ficar satisfeito com aquilo que tem para lhe vender, dispensando o pensamento inovador enquanto necessidade, conduzindo-o a um pensamento estagnado e pouco estimulado.

Em contrapartida, quando o mercado conta com mais de uma empresa concorrente, o espírito de competitividade vai ser demonstrado no pensamento inovador. As marcas vão-se tentar superar de todas as formas possíveis e imagináveis, seja através de anúncios publicitários ou até mesmo de novos produtos.

2 – A procura constante pela qualidade

As empresas poderão não considerar tão a fundo a qualidade de um serviço ou produto se não houver competição. Imaginemos que têm um produto que mais ninguém oferece no mercado. Um produto que as pessoas precisam de comprar e usar no dia-a-dia… mas que não as satisfaz, uma vez que a qualidade deixa muito a desejar. Esta insatisfação do consumidor, quando encontrada por empreendedores, pode ser canalizada para formular um novo negócio que ameace o monopólio da outra empresa.

A qualidade é a peça chave para obter a satisfação do consumidor e pode ser facilmente alcançado quando há espírito competitivo. Ao lutar pela atenção e fidelização de um cliente no mercado, a empresa vai dar o seu melhor para ser a melhor.

3 – Conhece melhor o seu público alvo

Quanto mais competitividade houver no mercado, mais informação terão as empresas sobre os consumidores e as suas preferências. Quando os seus concorrentes ganham mais lucro do que você, isso só pode significar uma coisa: há algo melhor no que estão a vender, seja nas técnicas usadas para atrair o consumidor ou nas características do serviço/produto.

Assim, cabe à sua empresa estudar as estratégias da concorrência, analisá-la de perto e perceber o que lhe traz sucesso. Daí, poderá saber rapidamente “o que funciona” com os consumidores e usar essa informação a seu favor. Basicamente, a partir do que os outros fazem de bem, você pode aprender a fazer ainda melhor.

4 – Esteja mais motivado a trabalhar

E, por fim, chegamos ao último ponto que se encontra relacionado com motivação. Para sobressairmos no mercado, precisamos de estar altamente motivados a levar a nossa empresa ao topo. O proprietário de uma empresa, por exemplo, começa a ser mais proativo e a estar alerta a tudo o que se passa à sua volta, orientando depois as suas ideias para criar estratégias melhores que as da concorrência.

É quase como uma maratona. A empresa passa a ter metas muito concretas, passa a conhecer os seus pontos fortes e fracos e, de forma coesa, motiva-se para correr. Pelo caminho, tem atenção a obstáculos para não tropeçar, espreita os concorrentes que se aproximam e distanciam e, de olhos troféu, continuam a dar o seu melhor para ficarem em primeiro lugar.




Escolha qual o assunto de interesse que pretende receber no seu email.


 

análise de concorrência, coaching, coaching empresarial, coaching profissional, como competir, competição empresarial, competir, competir empresas, competitivo, concorrencia, concorrentes, concorrer, inovar, Marketing, marketing digital


André Ferreira

André Ferreira

Nascido e criado no universo da publicidade, é impensável eu estar noutro lugar. Sou o fundador do Blog Publicidade & Marketing e também Digital Marketeer de profissão, mas sobretudo acredito que qualquer pessoa consegue alcançar o seu sucesso, através de muita dedicação e só com o apoio das ferramentas correctas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.