Home / Marketing /

Quer aumentar a sua faturação? Conheça estas técnicas de vendas

Quer aumentar a sua faturação? Conheça estas técnicas de vendas

 

Pense em técnicas de vendas! Quais foram as primeiras ideias que lhe surgiram?

Provavelmente pensou no mesmo que todas as outras empresas.

Se for para vender online muito provavelmente deve escolher todas as redes sociais e investir ao máximo em publicidade paga em Adwords ou Facebook.

Se for venda direta o melhor é investir em vendas agressivas…

Mas se lhe dissermos que está errado e que isso não são sequer técnicas de venda?

Na verdade, isso são apenas canais de venda. Os mesmos podem, ou não, ajudá-lo a vender mais… depende da forma como os aborda.

Mas vamos explicar-lhe tudo de seguida.

 

Técnicas de vendas: O que são?

De acordo com o livro Técnicas de vendas: como vender e obter bons resultados de Alexandre Luzzi Las Casas “Todo o vendedor, seja iniciante ou experiente, necessita lidar com certos desafios impostos pela atividade de venda: como abordar clientes de forma a despertar a atenção, fazer apresentações de vendas convincentes, responder a objeções, conduzir a entrevista para fecho de venda e manter um bom relacionamento no pós-venda. Para todas essas etapas há habilidades, atitudes e conhecimentos necessários…”

 

O LIVRO ENCONTRA-SE DISPONÍVEL EM:

AMAZON.COM.BR

FNAC PORTUGAL

AMAZON.COM

LIVRARIA CULTURA

Como vê, para vender não é só estar presentes nas redes sociais, não é só contratar um vendedor.

É preciso conhecer as abordagens ideais para alcançar os seus objetivos.

De seguida iremos apresentar-lhe algumas técnicas de venda que pode colocar em prática hoje mesmo.

 

3 técnicas de venda que o vão ajudar a alcançar o sucesso

Nenhum negócio é rentável se não vender. Isso é ponto assente e não existe ninguém que possa negar.

Mas, se tem algumas dificuldades em fechar a venda, saiba que existem técnicas que podem ser implementadas. Conheça algumas de seguida.

 

1. Apresente todos os benefícios do seu produto

Vender pode não ser uma tarefa simples. Mas uma das melhor formas de o fazer é vender um (ou vários) benefício.

Claro que o consumidor pode ficar a pensar “Ok, e daí?”. O seu dever é apresentar logo uma ligação direta com a sua realidade.

Imagine o seguinte. Você vende purificadores de ar. Um consumidor vem pedir-lhe informações sobre o produto.

   

Quando lhe diz o preço ele fica reticente. Mas aí, pode rematar com “pense que este purificador vai permitir que o ar da sua casa esteja limpo, e não sofra mais com as suas alergias”.

Acredite que ele vai comprar. A saúde não tem preço e todos se querem sentir melhor.

Só precisa adequar os benefícios do seu produto à realidade de cada cliente.

 

2. Faça perguntas, mas evite o “Não”

Quantas vezes fez uma pergunta a alguém do género “Queres comprar isto, não queres?”.

Saiba que é um erro.

Se quer vender, nunca pode terminar uma interrogação com a palavra não. Neste caso a tendência vai ser sempre ter “Não” como resposta.

A pergunta certa deve ser “Queres comprar isso, correto?” Colocar a frase desta forma, vai permitir que a resposta tendencialmente seja positiva.

 

3. A importância de trabalhar a objeção

Sempre que um cliente levanta uma objeção à compra de um produto, ele demonstra-lhe o que tem de trabalhar.

Contudo, a maior parte das empresas não liga às objeções do consumidor. E depois admiram-se do baixo volume de vendas.

Quanto mais trabalhar nas objeções do consumidor, mais facilmente irá conseguir rebatê-las.

De acordo com o Huffpost existem 6 objeções muito comuns:

  • Preciso de mais tempo para pensar
  • Pode enviar-me mais informação
  • Não preciso do seu produto neste momento
  • O valor é muito elevado
  • Pode ligar-me mais tarde
  • Estou satisfeito com o que tenho

Se conseguir rebater estas objeções, está um passo mais perto da venda.

 

Agora que já conhece 3 técnicas de vendas que fazem realmente a diferença, vai continuar a ignorá-las? Acreditamos que não.

Dê um passo em frente e aumente as suas vendas de forma exponencial.

Se tiver alguma dúvida ou questão, não hesite em contactar-nos.

 

Leia também:

Gostou deste artigo? Compartilhe a sua opinião!


Escolha qual o assunto de interesse que pretende receber no seu email.




 

Partilhar este artigo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *